Convocação

Convocação

A Direção do Sindacs informa que todos os ACS e ACE devem organizar listas (identificando quem é o responsável pelo grupo) com  os números dos calçados de cada trabalhador e entregar no Distrito, bem como nas unidades de trabalho.
O procedimento tem como objetivo acelerar o processo de entrega dos fardamentos.

Direção do Sindacs

135 municípios brasileiros estão em situação de risco para a dengue e chikungunya

135 municípios brasileiros estão em situação de risco para a dengue e chikungunya

No Brasil, 135 municípios estão em situação de risco para epidemia de dengue e chikungunya. Os dados fazem parte do LIRAa, Levantamento Rápido do Índice de Infestação pelo Aedes Aegypti, do Ministério da Saúde.

De acordo com o secretário de Vigilância em Saúde do Ministério da Saúde, Jarbas Barbosa, esse levantamento identifica os bairros onde estão concentrados os focos de reprodução do mosquito e pode ajudar nas ações de combate .”Muitos municípios ainda acham que o LIRAa é um requisito do ministério. Não é. Nós fazemos a análise nacional. Mas quem pode usar esses dados para agir é o prefeito. O LIRAa permite ao prefeito saber qual é o bairro onde tem o maior índice de infestação, então, com isso, ele pode mobilizar além das ações de saúde, ações como mutirão de limpeza urbana, mobilização das lideranças comunitárias, da igreja. O LIRAa permite que o município conheça onde pode ser o epicentro da futura epidemia da dengue e chicungunya. Por isso é importante ele fazer o LIRAa em outubro, agir durante os meses de novembro e dezembro, em janeiro fazer outro LIRAa, planejar as ações e fazê-las com o máximo de antecipação possível.”

Continue reading

Ministério da Saúde recadastra Agentes de Combate às Endemias em todo país

Ministério da Saúde recadastra Agentes de Combate às Endemias em todo país

Objetivo é consolidar a base de dados para implementação do piso nacional da categoria, de R$ 1.014, aprovado em junho

ALESSANDRA HORTO

Rio – O Ministério da Saúde vai recadastrar todos os Agentes de Combate às Endemias (ACEs) do país. A meta é conseguir um quadro real da situação funcional e também os atuais vínculos dos servidores em todos os municípios brasileiros.

A preocupação da pasta é consolidar a base de dados para a implementação do piso nacional da categoria, de R$ 1.014, aprovado em junho deste ano. O salário é nacional, mas não será pago automaticamente. Será necessário aguardar medidas administrativas que serão providenciadas por cada prefeitura participante do convênio ‘Estratégia Saúde da Família’.

De acordo com o Sindsprev-RJ (Sindicato dos Trabalhadores Públicos Federais em Saúde e Previdência Social no Rio de Janeiro), o recadastramento dos agentes foi decidido em reunião do Grupo de Trabalho (GT) criado pelo Ministério da Saúde para cuidar exclusivamente da implementação do piso salarial nacional.

Continue reading

Brasília é sede da 4ª Conferência Nacional de Saúde do Trabalhador e da Trabalhadora realizada pelo Conselho Nacional de Saúde

Foto: Divulgação

Entre 15 e 18 de dezembro Brasília será sede da 4ª Conferência Nacional da Saúde do Trabalhador e da Trabalhadora (4ª CNSTT), realizada pelo Conselho Nacional de Saúde (CNS) em conjunto com a Secretaria de Vigilância em Saúde (SVS) do Ministério da Saúde.

O evento contará com a participação de 1.128 delegados eleitos em todo país e 88 convidados entre usuários, trabalhadores e trabalhadoras. Com o tema “Saúde do Trabalhador e da Trabalhadora, Direito de todos e todas e Dever do Estado”, a abertura do evento está marcada para o dia 15/12, às 19h30 no Centro Internacional de Convenções de Brasília (CICB).

Continue reading

Reunião do GT do Piso Nacional: nova versão do CNES será elaborada em janeiro de 2015

Reunião do GT no Ministério da Saúde Na terça-feira (16/12/) foi realizada uma nova reunião, na sede do Ministério da Saúde, do Grupo de Trabalho do Piso Nacional dos ACS e ACE.
Na ocasião alguns assuntos tiveram destaque: a adequação do cadastro e recadastramento dos vínculos dos ACS e ACE no CNES, parâmetros numéricos para contratação de ACE por municípios, tramitação do CBO para os ACE no TEM, financiamento do Piso dos ACE, além de instrumentos normativos de transição e alteração na legislação.Reunião GT

Nova versão do CNES será elaborada em janeiro de 2015

Em janeiro de 2015 será feita uma nova versão do CNES. Todos os municípios terão que atualizar os ACS, e cadastrar os ACE em um CB,  provavelmente será o 5151-20, guarda de epidemias com os parâmetros e perfil estabelecido em portarias que serão publicadas no mês de janeiro. Como também recomendações para as atualizações dos ACS no CNES.

GT reunião Ministério da Saúde
Os parâmetros para os ACE serão definidos por número de imóveis e epidemias de maior agravo, como dengue, malária e leishmaniose.
Os recursos entrarão no teto de Vigilância Epidemiológica até atingir o teto de ACE, então será transformada em assistência financeira complementar.  Participaram da reunião representantes do CNASS, do Ministério da Saúde, do SGTES, SVS, DAB, Conacs, Fenasce e CNTSS.

Direção do Sindacs

Coordenador do Sindacs concedeu entrevista para o Jornal da Câmara

O Jornal da Câmara exibiu  uma matéria que citou a aprovação do projeto de lei nº 211/14, que concede aumento  aos ACS e ACE, gratificação de avanço de competência em 2,5% passando de 35% para 37,5%.
O coordenador do Sindacs, Aldenilson Rangel, em entrevista, explicou que desde maio, deste ano,  a categoria de ACS e ACE luta para conseguir o aumento.
O representante da entidade sindical ressaltou a expectativa para que o “reajuste” esteja disponível na folha de pagamento logo no mês de dezembro.

Direção do Sindacs

 

Caminhada do Sindacs é marcada por emoção

Foto: SINDACS

 

Na quinta-feira (11/12), às 9h, a Direção Estadual do Sindacs realizou uma caminhada em homenagem a memória da companheira de trabalho (de Lauro de Freitas), Sandra Santos, que faleceu com uma endemia.

Foto: SINDACS

A ocasião teve muita homenagem e emoção. A entidade juntamente com os trabalhadores ACS e ACE diziam que a morte da trabalhadora não foi em vão, e sim mais uma razão para confirmar que todos nós devemos está alerta e perceber a suma importante que é o trabalho de combate às endemias e as doenças que acompanhamos na sociedade.

 

Foto: SINDACS

Direção do Sindacs

CNTSS/CUT discute piso salarial dos Agentes de Saúde e de Endemias em Grupo de Trabalho do Ministério da Saúde

Confederação e FENASCE apresentam propostas para pagamento do piso salarial nacional em janeiro sem que ocorra prejuízo aos trabalhadores

Escrito por: Assessoria de Imprensa CNTSS/CUT

GTO secretário de Combate ao Racismo da CNTSS/CUT – Confederação Nacional dos Trabalhadores em Seguridade Social, Robson de Góes, representa a entidade e a FENASCE – Federação Nacional dos Agentes Comunitários de Saúde e de Agentes de Combate às Endemias em Grupo de Trabalho formado pelo Ministério da Saúde para discutir a implantação do piso salarial nacional dos ACSs e ACEs e a criação dos PCCVs – Plano de Cargo, Carreira e Vencimentos para estes trabalhadores.

Criado a partir de portaria do Ministério da Saúde, o GT reúne também representantes da CONACS – Confederação Nacional dos Agentes de Saúde; CONASEMS – Conselho Nacional de Secretarias Municipais de Saúde; CONASS – Conselho Nacional dos Secretários de Saúde, além de técnicos de várias áreas do próprio Ministério. O objetivo do GT é dar orientações, nortear e esclarecer todos os pontos para efetivação do pagamento do piso salarial nacional para a categoria.

Continue reading

Piso Nacional Salarial: Audiência Pública mobilizou Agentes de Saúde

Foto: SINDACS

A Audiência Pública realizado na última sexta-feira (12) mobilizou Agentes de Saúde em prol da regulamentação do Piso Nacional Salarial da categoria.  A sessão foi um pedido da direção do Sindacs ao vereador Arnando Lessa.
Agentes comunitários de saúde e de endemias de Salvador lotaram a audiência pública realizada com o objetivo de para homenagear o Dia Municipal do Agente de Saúde, comemorado 13 de dezembro. Os vereadores Arnando Lessa (PT) e Fabíola Mansur (PSB), que promoveram em conjunto o debate, a pedido dos representante do  Sindacs, defenderam a mobilização dos trabalhadores para que o piso salarial da categoria seja finalmente regulamentado.

Foto: SINDACS

Apesar de a presidente Dilma Rousseff ter sancionado, em junho de 2014, a lei que estabelece o piso salarial dos agentes de saúde no valor de R$ 1.014,00, a categoria em Salvador ainda não pode comemorar a vitória.

Foto: SINDACS

Para Arnando Lessa, os agentes comunitários de saúde e de endemias só poderão, de fato, comemorar a data da categoria após a regulamentação do piso salarial.
“Precisamos garantir as nossas conquistas. Devemos continuar com a fiscalização e recorrer todas as esferas de poder, deputados federais e senadores, para efetivar a regulamentação. Sem dúvidas, juntos seremos muito mais fortes para vencermos mais essa luta”, avaliou Lessa.

Continue reading

Piso Salarial: Reuniões do GT

Foto: SINDACS

A Direção do Sindacs, com o objetivo de acalmar a categoria, informa que o Ministério da Saúde criou um Grupo de Trabalho, apor meio de portaria, para tratar acerca do Piso Nacional dos ACS e ACE. O grupo tem a participação efetiva da CNTSS/FENASCE.
Duas reuniões do GT já foram realizadas e o debate discutiu, dentre outras demandas, a criação de um CBO específico para os ACE, e o enquadramento no CNES.

Continue reading

Informe: Comissão de estudo e acompanhamento das demandas envolvendo ACS / ACE

Informe: Comissão de estudo e acompanhamento das demandas envolvendo ACS / ACE

Ascom| COSEMS|BA

Acontece nesta quarta-feira (10), no auditório do COSEMS|BA – Conselho Estadual dos Secretários Municipal de Saúde da Bahia, a partir das 15 horas, a primeira reunião da Comissão de Estudo e Acompanhamento das demandas envolvendo Agentes Comunitários de Saúde e Agentes de Combate as Endemias criada na Reunião Ampliada do COSEMS realizada na última quinta-feira (4).

A Comissão é formada por três membros do COSEMS (Alexsandro Miranda, Denise Mascarenhas e Joseane Bonfim), um representante da UPB- União dos Prefeitos da Bahia a ser indicado e o representante do Sindicato dos Agentes Comunitários de Saúde e Contendores de Doenças Endêmicas e Epidemiológicas do Estado da Bahia – SINDACS-BA  Edson Morais, e Robson Teixeira da Confederação Nacional dos Trabalhadores em Seguridade Social – CNTSS ealém do apoio dos técnicos do Escritório do COSEMS/BA e da UPB.

Continue reading

Homenagem para os Agentes de Saúde

Homenagem para os Agentes de Saúde

Nestes tempos difíceis, em que as pessoas se previnem e se fecham para as outras, sempre a desconfiar de qualquer tentativa de aproximação, bem das manifestações de afeto, é muito bom poder confiar em alguém. Melhor ainda perceber que essa pessoa, na qual depositamos total confiança, é alguém tão especial, como são os Agentes de Saúde!
Nestes tempos difíceis, em que o noticiário vive repleto de tragédias e demonstrações de vileza, é bom poder contar com um amigo como vocês para desabafar, para aliviar a angústia e, principalmente, para renovar e trocar esperanças, com vocês que nos visitam diariamente.
Nestes tempos difíceis, em que nos parece quase impossível acreditar que as coisas possam melhorar, é muito bom sentir que ainda há pessoas especiais no planeta, pessoas que nos permitem esperar por um futuro menos árido e mais próspero.
Só mesmo alguém tão bom, leal e confiante como vocês: Agentes de Saúde.
Só vocês, meu amigo (minha amiga), seriam capazes de me fazer apostar em dias melhores… Vocês são muito importantes para mim! E para toda sociedade de nosso país.

Obrigado por vocês existirem!

Homenagem da Direção do Sindacs para os Agentes de Saúde